Empréstimos na China avançam menos do que o esperado em agosto

Estadão Conteúdo
Economia | Publicado em 11/09/2019 às 08:50

Os bancos chineses liberaram 1,21 trilhão de yuans (US$ 170 bilhões) em novos empréstimos em agosto, segundo dados publicados hoje pelo Banco do Povo da China (PBoC, o BC chinês).

O montante superou o valor de 1,06 trilhão de yuans registrado em julho, mas ficou abaixo da previsão de 14 analistas consultados pelo The Wall Street Journal, de 1,25 trilhão de yuans em novos empréstimos.

O financiamento social total, uma medida mais ampla do crédito na economia chinesa, avançou de 1,01 trilhão de yuans em julho para 1,98 trilhão de yuans em agosto.

Já a base monetária da China (M2) teve acréscimo anual de 8,2% em agosto, depois de subir 8,1% em julho. Economistas previam novo avanço de 8,1% no mês passado. Fonte: Dow Jones Newswires.



Relacionados

Economia | 18-09-2019 11:30

Decisões sobre juros deixam Ibovespa em compasso de espera, com viés negativo

Decisões sobre juros deixam Ibovespa em compasso de espera, com viés negativo

Economia | 18-09-2019 11:25

Banco Votorantim inicia estudos para IPO, sem data definida

Banco Votorantim inicia estudos para IPO, sem data definida

Economia | 18-09-2019 08:45

Gastos fiscais da China sofrem 1ª queda em sete meses

Gastos fiscais da China sofrem 1ª queda em sete meses

Economia | 18-09-2019 08:01

'Déficit vai ser o melhor possível', afirma Guedes

'Déficit vai ser o melhor possível', afirma Guedes