'Somos bois indo pro matadouro'

Paulo Martins
Política | Publicado em 25/09/2018 às 13:12

A falta de acessibilidade nos novos terminais do transporte coletivo em Cascavel tem gerado e reclamações. Para as pessoas com deficiência visual, faltam placas em braille e linhas-guias. 

O problema começa quando o estagiário Felipe Bento da Silva chega ao terminal. Sem os itens de acessibilidade a situação fica complicada. Felipe embarca e desembarca nos novos terminais do transporte coletivo quase todos os dias. Um dos principais problemas, segundo ele, está nas plaquinhas que indicam as linhas. Nenhuma delas tem as escritas em braille. Os novos terminais leste e nordeste foram inaugurados no final do mês passado. 

O comentário de Paulo Martins 


Contrato mal feito, mal elaborado...recheado de disparates...chegam até a atribuir a esse tal de bid implantação de sentido sem retorno no principal eixo circulatório da cidade que vem a ser a avenida brasil, como se uma população - que é quem paga a conta - se visse obrigada a se submeter a dispositivo contratual que a prejudique em sua aplicação e, pelo caminho, tudo o que está errado é gerado pelo BID– sem apelação??? Se dar crédito ao que dizem sobre o BID, é algo que parece que somos bois indo pro matadouro... vai indo...vai indo...vai morrer !!! Mas não tem volta !!!! ...olha...a coisa não é assim e não pode ser assim, pois um contrato tem que estar de acordo com as necessidades dos usuários, das pessoas, da sociedade e não de acordo com a religião do tal BID que empresta o recurso e irá receber pois o faz cercado de todas as garantias. 

E para ali...se não for assim, se a prática não for da responsabilidade da engenharia da cidade, que é quem terá que determinar essa ou aquela curva aqui e ali, então algo está errado...ou tudo está errado e isso aqui não é partido político para tentarem convencer que o “errado é que tá certo”. E a propósito, aquele cidadão ceguinho disse que hoje nos novos terminais a solução não e outra senão “perguntar”. Mas, perguntar pra quem??? em locais como esses não programaram a fixação de agentes da guarda urbana ou guarda municipal, sei lá ? Se não programaram pra esse tipo de operação fundamental, desculpem, mas à população só resta perguntar: “pra que essas guardas”??? 





Relacionados

Política | 14-11-2018 13:59

'Até hoje não passou de promessa e, que vem a ser "a busca da perimetral"

'Até hoje não passou de promessa e, que vem a ser "a busca da perimetral"

Política | 13-11-2018 13:20

Cristo não vem mais

Cristo não vem mais

Política | 12-11-2018 13:35

Contenha-se em seus limites

Contenha-se em seus limites

Política | 09-11-2018 13:34

'Pilantragens tão sólidas que tendem a permanecer nos esfolando'

'Pilantragens tão sólidas que tendem a permanecer nos esfolando'

PUBLICIDADE